22 fevereiro 2010


A prova...

Quatro amigos decidiram aproveitar um pouco mais o final de semana, já que estavam viajando juntos, e faltaram à prova da universidade que estava marcada para segunda-feira. Na terça-feira, quando chegaram à universidade, foram conversar com o professor e lhe disseram:


- Professor, nós fomos viajar, e na volta o pneu furou, não conseguimos consertá-lo, tivemos mil problemas, e por conta disso não pudemos chegar a tempo para a sua prova. O senhor poderia, por favor, nos dar a chance de fazer a prova em outro dia?

O professor, sempre compreensivo, respondeu:

- Claro que sim. Vocês podem fazer a prova hoje a tarde, após o almoço. Que tal?

Os rapazes então buscaram informações sobre o conteúdo da prova com os outros alunos que haviam feito na segunda-feira, foram para a biblioteca, e “racharam” de estudar.

Na hora marcada para a prova, para surpresa dos rapazes, o professor pediu que deixassem seus telefones celulares com sua assistente, e colocou cada um deles em uma sala diferente. Em seguida entregou a folha de prova que tinha as seguintes perguntas:

Primeira pergunta, valendo 0,5 ponto: “Descreva com suas palavras a Lei de Ohm”.

Os quatro ficaram contentes, pois haviam justamente estudado sobre este assunto, por orientação daqueles que já haviam feito a prova na segunda-feira. Imaginavam que a prova seria fácil e que certamente se “dariam muito bem”. Mas veio então a segunda pergunta…

Segunda pergunta, valendo 9,5 pontos: “Qual pneu furou?”

Comentários
0
Compartilhe

0 comentários:

 
Ricardo Fingolo - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações